RSS

Arquivo da categoria: Desenvolvimento social

Imagem

Os números de 2012

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2012 deste blog.

Aqui está um resumo:

600 pessoas chegaram ao topo do Monte Everest em 2012. Este blog tem cerca de 11.000 visualizações em 2012. Se cada pessoa que chegou ao topo do Monte Everest visitasse este blog, levaria 18 anos para ter este tanto de visitação.

Clique aqui para ver o relatório completo

Anúncios
 

Tags: , , , , , , ,

Comunicação consciente todo dia

Prezados (as) Leitores (ras),

(Sempre que a Plano B achar uma entrevista interessante em outro site, vamos estar publicando aqui, no blog, para que você não perca nada do que achamos  importante. A entrevista abaixo foi realizada pelo Portal Unomarketing, um excelente local para se buscar informações de uma comunicação consciente, e temos o prazer de reproduzir aqui)

************************************************************************************************

Em entrevista ao Portal Unomarketing, Paulo Nassar discute novos meios de se fazer comunicação consciente no âmbito empresarial e reforça a necessidade do ensino de Relações Públicas deixar o ambiente corporativo para se integrar à sociedade e seus problemas atuais.

“Mestre e Doutor em Ciências da Comunicação, Paulo Nassar é uma autoridade de renome quando o assunto é Relações Públicas. Ele é coordenador do curso de Relações Públicas da USP e lidera a mesa diretora da Aberje – Associação Brasileira de Comunicação Empresarial.
Autor de muitos livros relacionados à disciplina, como o fundamental “O que é Comunicação Empresarial” e o não menos importante “Tudo é Comunicação”, Nassar se prepara para lançar seu mais recente trabalho “Comunicação Todo Dia” nesta quarta-feira (14/07) na Livraria Cultura, a partir das 18h30.
Nas palavras do próprio autor, o livro “trabalha as ideias de um mundo complexo em que a comunicação é a forma de fortalecer o relacionamento e com isso todos contribuírem para a construção de um mundo melhor e sociedade mais afetiva”.
Nesta entrevista exclusiva ao Portal Unomarketing, Paulo Nassar discute novos meios de se fazer comunicação consciente no âmbito empresarial e reforça a necessidade do ensino de Relações Públicas deixar o ambiente corporativo para se integrar à sociedade e seus problemas atuais.
Para ele, o perfil do educomunicador, profissional que une a atividade comunicacional à arte de ensinar, é uma das formas mais concretas que a comunicação consciente assume nos novos tempos: “A comunicação consciente é educadora, está dentro dessa visão de educomunicação, que é a visão do processo comunicativo como processo educacional”, conta.
“As pessoas precisam entender a informação, concordar com ela e agir em função dessa informação. Isso é educação. As pessoas não só serem informadas, têm que ter consciência de que a comunicação tem que ter impacto. Tem que ter consequências no cotidiano. Cada vez mais os comunicadores se transformam em educomunicadores, pessoas que fazem educação a partir dos processos comunicacionais”, completa.
Nassar acredita que a comunicação da sustentabilidade exige um comportamento de inclusão que fuja de antigos conceitos que não funcionam para a sociedade atual. Seguindo os mesmos princípios, o processo comunicacional precisa estar alinhado às práticas empresariais para garantir a veracidade e transparência na comunicação das ações sustentáveis.

 

Tags: , , , , , ,

Comunicadores Sem Fronteiras

Atenção profissional de comunicação! Você sabe o que é “Comunicadores Sem Fronteiras”? Não?

Então está na hora de conhecer este belo trabalho. a Aberje já realizou diversas reuniões e muitos profissionais já estão trabalhando como Comunicadores Sem Fronteiras.

Leia abaixo a reprodução do texto, retirado do site da Aberje, quando o trabalho foi apresentado para um grupo de comuniaadores profissionais.

“Diante das recentes catástrofes naturais que mobilizam as pessoas no país e em vários lugares do mundo e com a convicção de que o atendimento psicológico e psiquiátrico essencialmente em ambientes privados é um exercício de poder, a psicoterapeuta e pesquisadora Profa. Dra. Ana Maria Fonseca Zampieri apresentou a um grupo de comunicadores empresariais o seu Programa de Ajuda Humanitária Psicológica/PAHP. Vários profissionais de diferentes áreas já têm-se unido para uma intervenção grupal nas comunidades atingidas, mas a ideia é dar início a uma ação organizada de comunicadores dispostos a atuar em situações de trauma pelo viés da educação psicossocial, amparados tanto na mídia de massa como nos veículos dirigidos das organizações.

O encontro foi o embrião de um apoio mais sistemático de pessoas físicas e de organizações públicas e privadas para a disseminação de conhecimento à população a respeito de sintomas, do que deve ser feito em casos de quadros psicológicos e psiquiátricos e de como procurar ajuda. Ana relata que as primeiras necessidades para atendimento a vítimas de catástrofes são de alimentos, móveis, agasalhos e medicações. Mas de seis semanas a até seis anos após estas situações, com várias perdas de vida, de referência de moradia e identidade geográfica, podem aparecer sintomas de stress pós-traumático, nem sempre relacionados pelo paciente à causa original. Sua atuação, em parceria com o Rotary Butantã, vem buscando alterar procedimentos com uma triagem e avaliação psicológica dos envolvidos, numa técnica de debriefing, intervenção com grupos pequenos e sociodramas construtivistas de catástrofes e de reconstrução, intervenções individuais, treinamentos de equipes, intervenções em famílias e treinamento de rede local (igrejas, bombeiros, SAMU, médicos, centros comunitários). Já integram o trabalho 140 psicoterapeutas de sete estados.”

O diretor geral da Aberje e Prof. Dr. da ECA-USP, Paulo Nassar, idealizador do projeto “Comunicadores sem Fronteiras” registra que foi feita uma análise da atuação em comunicação de órgãos da Defesa Civil em várias ocasiões de emergência, inclusive de outros países, e vê-se uma lacuna no desempenho. A intenção da entidade, inclusive, é organizar em 2010 no Brasil um seminário dos profissionais das instituições responsáveis pela orientação da população, com relatos de experiências vindas de lugares como New York, New Orleans e Porto Príncipe e dos estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Maranhão, São Paulo e Rio de Janeiro. A Aberje, atualmente, já disponibiliza bolsas de estudo para oficiais das Forças Armadas freqüentarem seus eventos e a diversidade de seus cinco mil associados, além da própria diretoria com 21 segmentos econômicos representados, podem ser um caminho interessante de conscientização. “Estamos atuando na visão de um Brasil moderno, com pluri-centralismo, de reunião produtiva entre comunicadores”, resume ele.”

A Plano B Consultoria convida o leitor do blog a assistir um vídeo com o diretor geral da Aberje, Paulo Nassar, um comunicador que está sempre à frente das ações da ABERJE, no Plano B Recomenda.

 

Tags: , , , , ,

Oito cidades brasileiras vão fazer parte de mais uma edição do Twestival

(reproduzo em meu blog matéria de Christina Lima para o site Nós da Comunicação, publicada no dia 19 de março de 2010, sobre o importante evento Twestival. A Plano B Consultoria apoia totalmente este evento).

Um evento no dia 25 de março envolvendo tuiteiros solidários em 175 cidades ao redor do mundo por uma causa nobre: trata-se do Twestival 2010, encontro que vai angariar fundos para a Concern Worldwide, instituição voltada para programas educacionais em países pobres. A ONG dedica-se principalmente à construção de escolas, capacitação de professores e compra de equipamentos escolares.

O Twestival reúne fora das mídias sociais voluntários para trocar ideias e arrecadar doações em dinheiro para ações do bem. No Brasil, país que está em segundo lugar em número de usuários do Twitter, o evento será realizado nas seguintes cidades: Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Belém (PA), Campinas (SP), Dourados (MS) e Americana (SP).

Nos pontos de encontro haverá local para fazer contribuições, venda de camisetas e bazar de produtos doados, mas cada localidade possui um formato diferente.

Confira mais informações sobre a programação do Twestival nas cidades brasileiras participantes:

Rio de Janeiro

São Paulo

Curitiba

– Florianópolis

– Belém

– Campinas

– Dourados

– Americana

Participe!

 

Tags: , , , ,